Sugestões


Seguem-se algumas sugestões e considerações para quem pretenda visitar o Parque.

Quando?

Como região montanhosa que é, a presença da neve é constante nos picos mais altos.
O clima também muda com grande facilidade sendo como tal o início do Verão e o mês de Junho as épocas mais recomendáveis para uma visita.
Nessa altura é geralmente possível desfrutar de bom tempo, os cursos de água estão no seu auge, o movimento turístico é ainda fraco e o acesso aos lagos de Covadonga ainda não está completamente restricto.
Setembro e Outubro também são opções, mas por esta altura o cenário será menos verdejante.

Recomenda-se levar equipamento de chuva em qualquer altura, excepto se as previsões assim o indicarem de forma clara. Convém não esquecer que a região é conhecida por ser de condições climatéricas instáveis.

Em quanto tempo?

O ideal serão quatro dias para poder incluir alguns pontos adicionais a visitar como a descida a Caín, a subida a Bulnes ou mesmo a Sotres e Tresviso.

No caso de se pretender fazer a caminhada da "Ruta del Cares" será necessário adicionar ainda mais um dia.

Alguns dos pontos absolutamente imperdíveis são:

Albufeira de Riaño

Aldeia que dá nome à albufeira que a rodeia. É também conhecida por "Novo" Riaño já que este pueblo foi construído como consequência directa da construção, inundação e submersão do original, caso semelhante à aldeia da Luz em Portugal.

A represa forma-se na confluência dos rios Esla, Yuso e Orza, é de origem artificial tendo sido submersas em 1987 as aldeias de Anciles, Salio, Huelde, Éscaro, La Puerta, Burón, Pedrosa del Rey, Vegacerneja e Riaño.
Antes da inundação foram trasladadas para a nova localização de Riaño a ermida de Quintanilla e a igreja de Pedrosa del Rey y la Puerta.

Desfiladeiro de Los Beyos

Lindíssimo desfiladeiro por onde serpenteia o rio Sella. São cerca de 11 quilómetros de curvas num maravilhoso cenário de paredes estreitas.

Lagos de Covadonga

Conjunto de dois pequenos mas magníficos lagos: o Enol e o Ercina (existe um terceiro, mas só visível durante o degelo). O acesso faz-se por estrada, ainda que esta esteja encerrada a veículos particulares durante a época alta (apenas se faz a subida de autocarro).
Junto ao lago Ercina encontra-se o complexo mineiro das minas de Buferrera. As minas estiveram em actividade até 1979.

Desfiladeiro de La Hermida

Um dos maiores desfiladeiros de Espanha, é rasgado pelo rio Deva. Estende-se durante 21 quilómetros num fabuloso cenário de escarpas. Atravessa (de Norte para Sul) as localidades de Unquera, Peñamellera Baja, Cuetodave, La Hermida, Caldas, Linares, Allende e Lebeña.

Subida de teleférico ao miradouro del Cable

A partir da estação base do teleférico de Fuente Dé é possível subir até aos 1823 metros de altitude alcançando o miradouro "del cable". Trata-se de uma subida de 753 metros efectuada em pouco mais de 3 minutos e meio.
O teleférico foi aberto ao público em 1966. O miradouro é um acesso rápido ao maciço central dos Picos de Europa e logo ponto de partida de vários itinerários de montanhismo.